myrna

Karla Monteiro, na Folha de S.Paulo

Aos 70 anos, avó de seis, a escritora de livros infantis Mirna Pinsky, vencedora de dois Jabutis, é tecnologicamente letrada. Sobre a mesa, um iPad acoplado a um teclado e um laptop.

“Guardo os meus textos no Dropbox, serviço para armazenamento em nuvem. Assim, posso trabalhar no iPad de qualquer lugar”, diz.

“Filmes eu não tenho baixado porque não preciso. Agora descobri o Netflix e assisto a todas as séries disponíveis. Sou viciada. Acabei de terminar House of Cards’.”

A mais recente conquista tecnológica da escritora foi o Kindle. Desde que conseguiu vencer o preconceito de ler na tela, viajar ficou mais fácil.

“Leio muito e viajo muito. A combinação ficou perfeita. O problema é que estou compulsiva. Entro na loja da Amazon e compro tudo. Tenho 15 livros na fila.”

“Minha vida se ampliou com a internet. Mas não quero ser dominada pela tecnologia. No Facebook eu não entrei”, confidenciou. Ainda não…