mestrado-1

Vicente Carvalho, no Inquietaria

Um estudo feito pela Produtive Carreira e Conexões com o Mercado revelou que os profissionais que investiram no mestrado foram os que tiveram maior retorno financeiro.

A pesquisa comparou a relação direta entre o nível de formação e a remuneração dos executivos recolocados pela consultoria nas regiões Sul e Sudeste entre janeiro e julho de 2014 e o mesmo período de 2015.

Os executivos brasileiros entrevistados com mestrado ou doutorado tiveram um aumento salarial no período avaliado de 21,4%, superior ao daqueles com apenas a graduação (4,6%) e com uma pós-graduação lato sensu (12,4%).

“A valorização dos profissionais que seguem se atualizando é fruto da hiperespecialização. Esta é uma tendência contemporânea. As empresas precisam de pessoas com formação sólida e foco no que fazem. Conhecimento e profundidade teórica são essenciais para isso”, afirma Rafael Souto, CEO da Produtive.

O estudo concluiu que os mestrados profissionais são os preferidos pelos empregadores, ao contrário da pós-graduação stricto sensu, que está relacionada a temas muito teóricos e agradam pouco o mundo corporativo.

“Hoje é esperado que o profissional tenha ao menos uma pós em seu currículo. O mestrado e o doutorado de fato são os que têm feito com que os profissionais se destaquem”, observa Souto.

Fonte: Uol