Processo de seleção do elenco de voz ainda está em andamento

Nicolas Garófalo, no Omelete

Com mais de 500 milhões de unidades vendidas no mundo, a saga Harry Potter ganhará uma versão brasileira de audiolivros produzida pela Storytel, empresa sueca que já possui os direitos para transformar obra de JK Rowling em história falada em outros países.

De acordo com o jornalista Bruno Molinero, da Folha de S. Paulo, a empresa está em busca de um elenco de voz para narrar o livro e dublar as falas de Harry e seus amigos.

Ainda segundo o colunista, a intensão da Storytel é lançar o primeiro livro, A Pedra Filosofal, em 2020, com as continuações sendo lançadas uma a cada mês.

O primeiro livro da saga Harry Potter foi publicado originalmente em 1997, com a saga sendo concluída dez anos depois com o sétimo volume, As Relíquias da Morte. Nos cinemas, os livros foram adaptados pela Warner Bros., que produziu oito filmes baseados nos livros e outros dois derivados com a franquia Animais Fantásticos. O terceiro filme do spin-off está em fase de pré-produção e terá cenas gravadas no Brasil.