Ilustração de contos de Sherlock Holmes. - © Museum of London

Ilustração de contos de Sherlock Holmes. – © Museum of London

Arthur Conan Doyle doou texto em 1904 para um bazar em prol de cidade escocesa

Publicado em O Globo

RIO — Um novo conto de Arthur Conan Doyle veio à tona. Walter Elliot, de 80 anos, encontrou o texto estrelado pelo famoso Sherlock Holmes em seu sótão. O livro veio de um bazar para arrecandar fundos para a cidade de Selkirk, na Escócia, que teve sua ponte de madeira destruída durante uma enchente em 1902.

A história é mais complexa. Como a cidade não tinha dinheiro para reconstruir a ponte, os locais organizaram um evento de três dias, em 1904. O escritor britânico, que adorava visitar a região, deciciu contribuir com a arrecadação, doando um conto no último dia do evento.

Walter Elliot, no entanto, não se lembra de como o livro foi parar em seu sótão. “Eu tenho esse livro há 40 ou 50 anos. Devo ter ganhado de um amigo, porque eu não lembro de tê-lo comprado de ninguém”, sugere o senhor. “Ele deve ter pensado bastante na nossa cidade, para vir até aqui e contribuir com uma conto para o livro”.

Em suas 48 páginas, a compilação traz histórias da população local bem como a do famoso autor. A coleção, intitulada “The book o’ the brig” será exibida em um museu da comunidade de Selkirk, junto com uma pintura de Walter Elliot da ponte reconstruída.