Canal Pavablog no Youtube

Posts tagged Tag Experiências Literárias

Clube de assinatura de livros se renova com web e curadores ilustres

0
Caixa com kit mensal do clube de assinatura de livros "TAG: Experiências Literárias"

Caixa com kit mensal do clube de assinatura de livros “TAG: Experiências Literárias”

 

Renata Nogueira, no UOL

Em um país onde 30% da população nunca comprou um livro, segundo dados da pesquisa “Retratos da Leitura no Brasil”, divulgada em maio, é curioso que um serviço de assinatura de livros veja seu número de associados crescer de 500 para 10.000 em apenas um ano. É o que registrou a TAG Experiências Literárias, lançada em agosto de 2014 com boxes personalizados de livros.

Por R$ 69,90 ao mês, o associado recebe em casa um kit com um livro indicado por um curador, um marcador de páginas e uma revista em que a obra escolhida é detalhada, além de mimos ocasionais, como caderninhos.

“A TAG não vende um livro, mas uma experiência experiência – e, como toda experiência, precisa ser vivida para ser compreendida”, justificam os fundadores sobre o valor da caixa, superior a um livro avulso. Segundo eles, para associar-se é necessário ter “mente aberta”.

Entre os curadores do clube há nomes como Mario Sergio Cortella (que indicou “O Físico”, de Noah Gordon), Patch Adams (indicando “O Intruso”, de William Faulkner), Frei Betto (com “Memórias de Adriano”, de Marguerite Yourcenar), Mario Prata (com “O Encontro Marcado”, de Fernando Sabino), Gregorio Duvivier (com “Noite do Oráculo”, de Paul Auster) e Luis Fernando Verissimo (com “O Seminarista”, de Rubem Fonseca). A escritora carioca Heloisa Seixas é a responsável pela indicação de agosto, ainda inédita.

A ideia surgiu em 2013 por três estudantes de administração de Porto Alegre que compartilhavam a paixão pela literatura: Arthur Dambros, 24, Gustavo Lembert, 24, e Tomás dos Santos, 26. Eles criaram o serviço inspirados por clubes de assinatura de vinhos e cerveja que estavam em alta na época.

“A gente sempre gostou de ler e tínhamos vontade de empreender. Vimos que nesses novos serviços não tinha nada relacionado a livros e achamos a nossa oportunidade de trabalhar com algo que a gente sempre quis”, explica Arthur Dambros, um dos membros fundadores, em entrevista ao UOL.

Kits especiais de dois anos do "TAG"

Kits especiais de dois anos do “TAG”

Inicialmente, os nomes dos curadores eram definidos segundo o gosto e avaliação dos três jovens fundadores. Hoje eles também levam em conta a opinião dos associados antes de definir um curador, em um processo que pode ser feito com até um ano de antecedência.

“Temos uma espécie de banco de curadores que são os que já recebemos as indicações e que estão esperando até o momento em que achamos conveniente. Tentamos intercalar um autor clássico com um contemporâneo. Depende dos títulos que serão sugeridos para que seja possível proporcionar a experiência que a gente deseja para o cliente”, explica Arthur sobre a seleção.

Os curadores não são remunerados pelo trabalho para evitar indicações por interesse financeiro. “A participação das personalidades acontece apenas pela vontade de querer compartilhar leituras e por gostar da ideia como um todo.”

A associada Sarah Carolina, de RO, troca ideias literárias com leitores de todo o Brasil - Arquivo pessoal

A associada Sarah Carolina, de RO, troca ideias literárias com leitores de todo o Brasil – Arquivo pessoal

Compra às escuras

Os nomes de peso na curadoria e a surpresa de não saber o título até receber o kit mensal em casa, além do grupo no Facebook para discutir a obra, são alguns dos motivos que atraem cada vez mais leitores, mesmo sem a divulgação em meios tradicionais. O investimento de marketing da TAG, por ora, é intensificado em mídia online, como posts impulsionados em redes sociais.

Foi assim que a servidora pública Sarah Carolina Santos Silva, de Porto Velho, soube da existência do serviço. “Conheci o serviço pelo Facebook, naquelas postagens de publicações sugeridas. Deve ser porque eu me associo a muitas páginas referentes a livros e estou sempre pesquisando no Google. Sou associada desde março, me dei de presente de aniversário”, conta.

“O serviço abre as possibilidades de leitura. E eu adoro compartilhar as emoções com outros leitores pela internet. Às vezes eu lia um livro e queria comentar, mas não tinha com quem falar”, explica a jovem de 28 anos, que mora na capital de Rondônia.

Já para a jornalista Jéssica Moura, o desafio de ler mais a estimulou a fechar a assinatura no último mês, que trouxe uma edição própria: uma caixa comemorativa especial de dois anos. “Acho que muita gente acaba não lendo por falta de tempo. A correria do dia a dia com trabalho e estudo complica. Foi aí que eu resolvi me desafiar e mudar tudo isso”, opina a jovem de 25 anos, que vive em Caraguatatuba, no litoral de São Paulo.

Jéssica Moura, jornalista de 25 anos, assinou o serviço para se desafiar a ler mais - Arquivo pessoal

Jéssica Moura, jornalista de 25 anos, assinou o serviço para se desafiar a ler mais – Arquivo pessoal

A literatura na era do Facebook

A criação de um grupo fechado dentro do Facebook, em junho de 2015, foi um passo importante, que possibilitou que usuários de diversas partes do país conversassem sobre as obras selecionadas, criassem grupos paralelos de discussão e marcassem encontros para debater o livro, retomando o formato original e mais conhecido de um “clube do livro”.

“Foi algo interessante não só para os clientes como também para nós, pois conseguimos estabelecer um diálogo e começamos a focar cada vez mais isso. Antes não existia um canal, o que talvez tenha sido um erro nosso. E agora já estamos desenvolvendo plataformas próprias para incentivar e fortalecer a relação e a troca entre os associados”, conta Arthur.

Os últimos volumes que partiram de Porto Alegre para serem entregues aos clientes foram os primeiros exclusivos, impressos pela própria TAG em uma edição de luxo com capa dura em parceria com a editora Dublinense. A novidade da edição exclusiva e um desconto que celebrava o aniversário de dois anos do clube fez deste mês de julho disparado o com maior número de adesões.

“Entendemos o produto como um veículo de marketing. Qualquer real que entra na empresa devolvemos em projetos para os clientes. Queremos encorpar ainda mais o produto com edições exclusivas, um aplicativo que é uma espécie de rede social para interação dos associados e loja online com produtos literários”, adianta Arthur sobre o que vem por aí.

Clube de assinatura envia para sua casa livros recomendados por grandes escritores

1

TAG_INTERNA-CLUBE-DE-LIVROS

Publicado no Olhar Direto

Tomás, Arthur e Gustavo eram amigos na faculdade de administração, mas não eram as planilhas financeiras que os entusiasmavam. O que os animava de fato eram as narrativas, os romances, os livros na biblioteca. Não por acaso foi dentro de uma biblioteca que tiveram a ideia que mudaria suas vidas: e se criassem um clube de assinatura de livros, que enviasse mensalmente uma obra aos seus assinantes? Assim nasceu a TAG – Experiências Literárias, em julho de 2014.

A experiência, no entanto, haveria de ser especial e extraordinária. Decidiram que quem escolheria os livros a serem enviados aos associados seriam personalidades do mundo literário ou cultural – nomes como os escritores Luis Fernando Verissimo e Letícia Wierzchowski, e os filósofos Peter Singer e Mario Sergio Cortella. Junto do livro, confeccionaram uma revista repleta de informações sobre o título selecionado, os motivos que levaram o curador a escolhê-lo, sugestões de filmografia relacionada, e muito mais – tudo para enriquecer a leitura mensal.

O medo de que o pouco hábito de leitura no Brasil pudesse prejudicar a empreitada hoje se responde com números: a TAG alcançou mais de 6.000 assinantes em todos os estados do país, e segue crescendo. Para comemorar os dois anos do clube, que serão completados em julho, foi preparada uma edição de luxo, assim como um desconto de 30% no primeiro mês para novos assinantes.

Além de conhecer novos autores, obras e estilos, fazer parte desse grupo de leitura é também poder debater sobre literatura e sobre a vida com outros milhares de apaixonados por livros, ouvir novas opiniões, ampliar os horizontes e descobrir novidades. Assim, sua biblioteca pessoal se amplia, e de forma excitante e surpreendente – afinal, o próximo livro só se revela quando a embalagem é aberta, feito fosse um presente. É como se todo mês fosse nosso aniversário, e os amigos a nos presentear fossem o Veríssimo, o Peter Singer ou o Cortella.

Na página da TAG no Youtube, diversos vídeos ilustram a experiência e falam mais do clube, assim como há muito mais para se saber e ler na página do clube no Facebook ou no seu Instagram.

Com um ano de existência, clube de assinatura de livros comemora expansão

0
Foto: Divulgação / Tag

Foto: Divulgação / Tag

 

Confirmando que ler nunca sai de moda, a Tag Experiências Literárias aumentou não só o espaço físico, mas também o número de funcionários

Fernanda Pandolfi, no Zero Hora

Não foi fogo de palha. Com um ano de história da Tag Experiências Literárias – espécie de clube de assinatura de livros –, Pablo Soares Valdez só tem a comemorar.

Subiu o número inicial de sócios de 200 para 6 mil, passou de um escritório de 50 metros quadrados para um de 300 metros quadrados e conta com uma equipe de 10 colaboradores, sendo que no princípio eram cinco.

– E pretendemos fechar o ano com mais de 20 funcionários, já com planos de mudar para um escritório maior ainda – comemora.

E um detalhe: o faturamento da empresa chegou a quase R$ 500 mil. Confirmação de que ler nunca sai de moda. Aliviada em saber.

Jovens criam clube que entrega livros selecionados e ‘mimos’ a assinantes

0
Gustavo Lembert, Arthur Dambros e Tomás Susin são os sócios (Foto: Arquivo pessoal)

Gustavo Lembert, Arthur Dambros e Tomás Susin são os sócios (Foto: Arquivo pessoal)

TAG Experiências Literárias surgiu em Porto Alegre em agosto de 2014.
Kit com livro, revista e brinde é enviado a 22 estados uma vez por mês.

Rafaella Fraga, no G1

Além das tradicionais assinaturas de jornais e revistas, há outros produtos que também contam com serviço de entrega a domicílio e de forma periódica. A facilidade de comprar e receber o produto na porta de casa usando apenas um clique no computador atrai cada vez mais adeptos e estimula empresários.

É o caso da TAG Experiências Literárias (clique aqui para acessar), um clube de assinatura de livros que envia mensalmente para o endereço do assinante um kit que inclui uma obra selecionada a dedo por um curador especial, e ainda uma revista temática sobre literatura e um mimo, escolhido de acordo com o autor ou título.

A ideia surgiu da cabeça de três apaixonados pela leitura: Gustavo Lembert da Cunha, 22 anos, Arthur Dambros, 23 anos, e Tomás Susin dos Santos, 24 anos. Em Porto Alegre, os ex-estudantes de Administração usaram a característica em comum e criaram o primeiro clube de assinatura virtual do gênero, que faz a entrega dos livros na porta do consumidor. A primeira remessa foi enviada em agosto de 2014.

“A gente trabalha com a experiência da leitura, não somente com a venda de livros. A gente não queria ser mais uma livraria online”, explica Cunha, um dos sócios. Isso porque por R$ 69,90, o assinante recebe um livro por mês em casa. Tem ainda a opção de plano trimestral, que sai por R$ 79,90. Ambos estão com taxas de entrega inclusas para qualquer região do país.

Kit tem, além do livro, uma revista e um brinde especial (Foto: Mayara Pacheco/Arquivo pessoal)

Kit tem, além do livro, uma revista e um brinde
especial (Foto: Mayara Pacheco/Arquivo pessoal)

Os títulos são indicados por pessoas que são referência no cenário cultural ou intelectual, seja no Brasil ou no exterior. Mas, além do livro, os associados recebem no kit uma revista literária, com conteúdo exclusivo produzido pelos sócios, que incluem curiosidades e outros detalhes sobre a obra enviada e um brinde, que tenha alguma relação com a história lida.

“Em dezembro a gente enviou aos assinantes o livro ‘Orgulho e Preconceito’ [da britânica Jane Austen], que é um clássico inglês. No caso, enviamos um sachê de chá. É o que a gente chama de mimo”, explica, em referência ao hábito da terra da rainha.

O título do livro que será enviado, no entanto, é mantido em sigilo para que o assinante só conheça quando recebê-lo em casa. Na revista, o leitor tem uma pista do que virá pela frente.

“A gente não revela justamente para aumentar a ansiedade e tornar o momento do recebimento do livro mágico. Na revista de cada mês, sai uma espécie de teaser da obra que será enviada no mês seguinte. Se o leitor reconhecer o trecho, pode solicitar uma troca”, acrescenta.

No fim do ano passado, a TAG tinha cerca de cem assinantes. Após os novos investimentos, os empreendedores conseguiram triplicar esse número. Hoje, os cerca de 350 consumidores da TAG estão em 22 estados brasileiros. “”A gente sabe que não é barato. Que um livro na livraria é bem mais barato, por exemplo. Por isso a gente vende a experiência de leitura, e não o livro. E está dando certo”, comemora.

TAG - Experiências Literárias tem assinantes de todas as partes do Brasil (Foto: Arquivo pessoal)

TAG – Experiências Literárias tem assinantes de todas as partes do Brasil (Foto: Arquivo pessoal)

Conheça quatro serviços de assinaturas de livros

0
Conheça quatro serviços de assinaturas de livros

Foto: Pedro Scott / Divulgação

Além da opção de leitura online das obras, há também os clubes de assinantes, nos quais são entregues, na casa do leitor, livros escolhidos por curadores especializados

Publicado no Terra

No meio do ano, a Amazon começou a oferecer aos leitores, de grande parte do mundo, o Kindle Unlimited – uma espécie de Netflix para livros. Por meio do aparelho e dos aplicativos de leitura da marca para as plataformas iOS e Android, é possível assinar um serviço mensal de livros, no qual o usuário paga US$ 10 para ter acesso a um acervo de 700 mil títulos e audiolivros. Há duas semanas, o serviço foi aberto, também, ao público brasileiro: o usuário pode experimentá-lo por um mês gratuitamente e ter acesso a mais de 10 mil títulos em português.

Para quem gosta de ter o livro físico, algumas empresas modernizaram o conceito de clube de livros e oferecem curadoria e entrega de títulos na porta de casa. Não é um serviço novo: quem não lembra do Círculo do Livro, que entregava best-sellers a mais de 800 mil associados no Brasil na década de 1980? A diferença hoje está no trabalho de escolha das obras que são enviadas aos leitores, dizem os empreendedores. “No nosso caso, por exemplo, todos os meses convidamos uma pessoa que admiramos, pode ser um escritor, filósofo, pensador ou psicólogo, enfim, alguém que tenha bagagem para indicar bons livros e que possa fazer uma boa curadoria das obras”, diz Tomas dos Santos sócio-fundador da Tag Experiências Literárias. Além da Tag, confira outras empreendimentos que oferecem o serviço de assinatura de livros, bem como seus planos de adesão e taxas.

Tag Experiências Literárias
Os três sócios eram colegas no curso de Administração, sempre nutriram o gosto pela leitura e tinham grande vontade de empreender. Eles uniram as duas paixões e lançaram a Tag. A cada mês, um novo título é indicado por personalidades do mundo cultural ou acadêmico. Além do livro, os associados recebem uma revista literária com mais detalhes sobre a obra enviada e, às vezes, um brinde que remeta o leitor a história lida. Segundo Santos, o objetivo da iniciativa é fazer com que as pessoas leiam novos livros e conheçam novos horizontes literários. A obra enviada é sempre um segredo, mas são divulgados no site e na revista do mês precedente informações a seu respeito para que o assinante peça a troca, se for necessário. Há duas opções de planos: o mensal e o trimestral. No primeiro, paga-se o valor de R$ 69,90. No último, é cobrado o valor de R$ 79,90 somente nos meses em que o associado receber os kits.

A Taba
Todos os meses a equipe d’ A Taba seleciona e envia para seu clube de assinantes livros voltados para o público infantil e juvenil. São oferecidos quatro tipos de planos: no trimestral e no contínuo, o associado paga R$ 60,00 por mês. A diferença é que, no segundo, ele pode interromper a adesão quando quiser. No semestral, o valor investido é de R$ 50,00 por mês. Já no anual, paga-se R$ 45,00 por mês pelo serviço.

Leiturinha
Nos kits de livros da Leiturinha, é possível encontrar exemplares das principais editoras de livros infantis do Brasil. O público-alvo do serviço são crianças de 0 a 7 anos que estão sendo introduzidas no universo literário. A empresa oferece dois planos de adesão de acordo com o ritmo de leitura dos pequenos. Na opção Uni, é enviado um livro infantil, mensalmente, pelo valor de R$ 29,00. Na alternativa Duni, são enviados dois livros pelo investimento mensal de R$ 49,00. Ainda há a possibilidade de enviar um kit de presente, nesse caso, será entregue uma única vez o pacote com duas obras pelo valor de R$ 79,00.

Booxs
Idealizado por profissionais com mais de 15 anos de experiência no mercado editorial, a iniciativa reuniu pessoas das mais diversas áreas. Juntos pedagogos, escritores, psicólogos, contadores de história e professores especialistas em educação infantil escolhem os livros que serão enviados aos pequenos. A opção oferecida pela Boxxs é o plano de R$ 59,00 por dois livros mensais. Além disso, é possível enviar um kit presente, com duas obras, por R$ 69,00.

Go to Top