Canal Pavablog no Youtube

Posts tagged TCC

Estudante é assaltada na porta da universidade e tem TCC e livros roubados

0
Assalto foi na entrada do campus da UFT em Araguaína (Foto: UFT/Divulgação)

Assalto foi na entrada do campus da UFT em Araguaína (Foto: UFT/Divulgação)

Pen drive com a versão mais atualizada do arquivo e livros emprestados de amigos foram levados com a bolsa. Jovem reclama de insegurança no campus.

Publicado no G1

A estudante de do curso de Letras, Weslane Oliveira, de 22 anos, foi assaltada na manhã desta quarta-feira (16) quando chegava a Universidade Federal do Tocantins, em Araguaína, para assistir aula. A jovem teve uma bolsa levada pelo ladrão. Dentro estava um pen drive que tinha a versão mais atualizada do Trabalho de Conclusão de Curso dela e também livros que foram emprestados por amigos para a monografia.

Weslane contou que o homem fingiu falar ao celular próximo a um dos portões da UFT e que apontou uma arma para ela durante o crime. Ela tentou correr para dentro do campus, mas o portão mais próximo estava fechado e ela não conseguiu fugir.

Apesar do susto, a jovem não ficou ferida no assalto. Ela perdeu um capítulo inteiro da monografia, cerca de 10 páginas, que estava salvo no pen drive. A apresentação dela está marcada para outubro. Ela reclama da insegurança e diz que já houve outros assaltos na região.

“Ontem, por volta das 18h30, uma outra aluna foi assaltada, e parece que pela terceira vez, já chegando na UFT. Não tem nada de policiamento lá e não tem como correr também. Poderia ter sido outro aluno, que leva Notebook, celular e outras coisas de valor nas bolsas. Como eu já tenho bastante medo, não levo.”, contou.

O G1 entrou em contato com a UFT para perguntar sobre a segurança no campus e sobre o portão que estava trancado. Em nota, a instituição disse que até o momento não recebeu nenhuma informação oficial sobre o ocorrido. “A instituição está apurando com detalhes o suposto ocorrido para então tomar as devidas providências. “

Este estudante fez um ensaio fotográfico ‘romântico’ com sua tese

0

Publicado no Catraca Livre

Você também está em um relacionamento sério com sua tese? Todo estudante de pós-graduação ou mestrado que passa por todos estes meses de convívio com a pesquisa cria um laço afetivo com ela.

Para mostrar o apego por sua tese, o estudante Morris Vanegas, de 26 anos, mestrando no curso de Engenharia Mecânica e Aeroespacial no MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), decidiu protagonizar um divertido (e romântico) ensaio fotográfico com sua tese após a conclusão dos estudos.

A série de imagens ganhou o nome de Uma Carta de Amor à Minha Tese. Segundo Morris, o objetivo era de despedir de forma de romântica de seu projeto.

“Você me transformou em uma pessoa melhor, me apoiando quando eu quis desistir. Seu senso de humor é como o meu. É como se estivéssemos sempre na mesma página. Espero ver seu rosto novamente, nas referências dos futuros trabalhos sobre trajes espaciais”, declarou o estudante.

Confira abaixo este ensaio apaixonado:

Morris_Vanegas1

Morris_Vanegas2

Morris_Vanegas3

Morris_Vanegas4

Morris_Vanegas5

Morris_Vanegas6

Morris_Vanegas8

Ex-detento apresenta TCC para juíza que o permitiu estudar

1

2016-06-28-banca avaliadora Lincoln

Acadêmico convidou a magistrada que, na época, concedeu-lhe liberdade condicional

Natalia Uriarte Vieira, na Univale

São José – Um reencontro emocionou quem estava presente e provou que a educação é capaz de transformar vidas. O formando do curso de Direito da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), Lincoln Gonçalves Santos, ex-detento, defendeu seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) no dia 22 de junho, no Campus Kobrasol, em São José. Para compor a banca avaliadora, o aluno convidou a juíza Denise Helena Schild de Oliveira, titular da Comarca da 3ª Vara Criminal da comarca da Capital, que concedeu, na época, liberdade condicional a Lincoln em razão da progressão de regime, para ele estudar.

2016-06-28_Juiza participa de banca de TCC

O trabalho defendido pelo acadêmico intitula-se “O sistema prisional brasileiro e a possibilidade de responsabilização internacional do país, por violação de documentos internacionais de proteção dos direitos humanos”. De acordo com o professor do curso de Direito e orientador de Lincoln, Rodrigo Mioto dos Santos, desde o início da orientação eles falavam sobre a possibilidade de convidar a magistrada, ideia aprovada em comum acordo entre aluno, orientador e coordenação do curso.

“Precisamos acreditar que a educação transforma. Neste caso, a educação mudou uma vida. A universidade e todo e qualquer professor, ao meu ver, tem esta missão. Demos a nossa contribuição, agora o futuro está nas mãos do Lincoln”, afirmou o orientador.

2016-06-28-banca Lincoln

A banca avaliadora concedeu nota 10 ao trabalho realizado pelo formando em Direito. A juíza ficou muito satisfeita com o convite e, de forma emocionada, enfatizou: “Nem sempre se tem ideia do quanto é gratificante fazer justiça, abrindo caminhos e oportunizando a ressocialização de quem esteve à margem da sociedade”.

Mais informações: (48) 3211-2011, na coordenação do curso de Direito Campus Kobrasol.

Fotos: Assessoria do TJSC 

Estudante, veja 5 ótimas dicas que você precisa realmente saber para começar seu TCC

0

TCC

Publicado no Amo Direito

Grande parte dos cursos universitários exigem que o aluno, para conseguir o diploma, é necessário apresentar um trabalho de conclusão de curso, popularmente conhecido como TCC. Antes de começar a criar o projeto, os estudantes tendem a ter dúvidas como “Por onde começar? O que é mais importante? Tenho um bom tema? Vai dar tempo?”. Para que você possa começar com a menor quantidade de questionamentos, confira as dicas da coordenadora de relacionamento com o cliente do Passeidireto.com Daiane Dias:

1 – Pense sobre os colegas e o orientador
“O orientador deve ser escolhido com muito critério, afinal é quem irá guiar o caminho até as últimas versões do estudo. A mesma regra de unir afinidade e produtividade deve servir para a escolha dos companheiros, no caso da necessidade de ser um trabalho em grupo. Também é preciso ter em mente que não é nenhum crime trocar a orientação no meio do caminho. Não é algo legal, mas melhor do que manter uma relação que não tem funcionado”.

2 – Valorize a escolha do tema
“Muita gente, já nos primeiros dias de aula, tem em mente o que gostaria de trabalhar em seu TCC, mas o comum é quem não faz ideia de qual temática abordar. Independentemente de qual estágio o aluno se encontra, o principal é fazer algo com que se tenha grande afinidade, que isso irá impactar diretamente na produtividade final. Após a escolha, um bom conselho é explicar o seu tema para alguém, tanto da própria área de formação, quanto de fora, para ver as reações positivas, negativas e ainda ter algumas noções dos primeiros questionamentos que receberá”.

3 – Tenha foco
“Escolhido o tema, é hora de ter foco para não sair dele. Antes mesmo de fazer a pesquisa, prepare um arquivo sobre os tópicos que quer abordar e use-o como base em seu projeto”.

4 – Formule objetivos para o seu TCC
“É preciso, primeiramente, encontrar objetivos e a melhor metodologia para seguir. Para isso, uma dica é pesquisar e selecionar as principais referências que serão o eixo do estudo. O anteprojeto é a melhor maneira de testar o tema e sentir se está em um caminho viável. Esse início pode mostrar, por exemplo, que uma ideia não é tão boa quanto pareceu ser, ou que irá dar um trabalho ainda maior do que imaginado. Sendo assim, é melhor descobrir enquanto ainda há tempo para mudanças”.

5 – Seja organizado
“A melhor forma de se preparar e não ficar completamente atolado de trabalho do fim do semestre é planejar um bom e detalhado cronograma, com metas subdivididas em semanas e meses, por exemplo. É preciso entender que um cronograma não é nenhuma prisão e os prazos podem (e devem) ser revistos sempre, pois é natural que de vez em quando seja preciso reorganizar o tempo e as prioridades”.

Fonte: Universia Brasil

Guia: confira 10 dicas essenciais para que você possa aprender e fazer um bom TCC

0

amo-direito-post-estudo_TCC

Publicado no Amo Direito

A ESCOLHA DO GRUPO: Tente montar uma equipe que tenha habilidades complementares. “Primeiro, é preciso se juntar a pessoas que trabalhem no mesmo ritmo e depois é preciso unir forças. Se possível, selecione uma pessoa que seja boa em pesquisa, outra que seja boa em redação, outra que seja boa na organização dos temas e assim por diante, para que o trabalho fique completo, coeso e que não falte nenhuma informação”, explica Rachel Polito, autora do livro “Superdicas para um Trabalho de Conclusão de Curso nota 10”, da editora Saraiva.

A ESCOLHA DO TEMA: Cuidado para não optar por assuntos muito complexos e elaborar uma proposta de difícil execução. Se o aluno fizer esse tipo de escolha pode estar fadado ao fracasso, segundo Rachel Polito, autora do livro “Superdicas para um Trabalho de Conclusão de Curso nota 10”. A escolha deve ser feita baseada em temas de interesse do grupo e na viabilidade do projeto.

CRONOGRAMA E DIVISÃO DE TAREFAS: Definir as tarefas a cumprir com datas e responsáveis logo no começo do processo ajuda a passar por essa etapa de maneira mais tranquila. Esse cronograma deve ser independente das solicitações do orientador. Assim, as últimas semanas antes da entrega não serão períodos tão tensos.

BOM RELACIONAMENTO E INTERAÇÃO COM O ORIENTADOR: É importante comparecer a todas as reuniões de orientação agendadas com o professor responsável. Conversar com o orientador e entender o que ele espera do trabalho evita surpresas ao final do percurso. “Muitas vezes o aluno tem medo ou até mesmo preguiça de fazer questionamentos. O papel do orientador é orientar e guiar os alunos para o caminho certo. Portanto, não tenha medo de questionar o que falta ou se o que está sendo realizado é o que o orientador espera”, explica a professora Rachel Polito .

PESQUISA: A pesquisa bibliográfica dará respaldo e credibilidade para os assuntos tratados no TCC. Nesse momento é importante resgatar assuntos e autores estudados durante todo o curso. Muitas vezes também é preciso fazer pesquisa de campo para recolher dados que serão usados no trabalho.

NÃO EXISTE TCC FEITO APENAS COM A INTERNET: A falta de bibliografia ou o uso de referências inconsistentes são os primeiros pontos que a banca examinadora verifica. “Muitos alunos têm uma ‘webgrafia’ muito maior do que a bibliografia. Normalmente, blogs e sites desconhecidos não são considerados como fontes. Leu um autor que interessou e a referência do livro está na internet? Anote o livro, vá até a biblioteca da sua universidade e alugue o título”, explica a professora Rachel Polito.

REGRAS DE FORMATAÇÃO: O “bicho-papão” dos alunos são as regras de padronização da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Muitos não gostam de segui-las por acharem que são difíceis. As normas abrangem tamanho de papel, margem, numeração, conteúdo obrigatório e normas para bibliografia e anexos. “São poucas regras e devem ser respeitadas”, pontua Rachel Polito, autora do livro “Superdicas para um Trabalho de Conclusão de Curso nota 10”.

TENHA CLARO QUAL O OBJETIVO DO SEU TCC: Pense no objetivo final de seu trabalho desde o início. Isso ajuda a decidir quais caminhos seguir durante a pesquisa e evita que o trabalho perca o foco ao longo do processo.

APRESENTAÇÃO: Segundo Rachel Polito, autora do livro “Superdicas para um Trabalho de Conclusão de Curso nota 10”, a apresentação deve explicar o tema, os motivos da escolha, os objetivos do trabalho, a forma como o trabalho foi feita e as conclusões a que se chegou. Cuidado com o tempo que terá no dia da defesa, para não deixar de fora nenhum ponto importante.

RESPONDA AS PERGUNTAS DA BANCA COM CALMA: “Aguarde o examinador concluir a arguição e não o interrompa nunca. Com calma, exponha os pontos do trabalho e não comece logo de cara discordando do seu examinador. Isso pode gerar antipatia e resistência. Não existe problema em consultar o trabalho para responder ao questionamento desde que o aluno saiba exatamente o que e onde procurar”, recomenda a professora Rachel Polito.

Fonte: educacao uol

Go to Top