Canal Pavablog no Youtube

Posts tagged tipos de livros

Pessoas que leem são mais felizes, aponta pesquisa global

0

Pesquisa encomendada pela Amazon entrevistou 27.305 pessoas em 13 países. Entre os leitores frequentes, 71% se declararam felizes.

Publicado no Publishnews

Entre o fim do ano passado e início desse, o instituto Kelton Global entrevistou, a pedido da Amazon, 27.305 pessoas com mais de 18 anos de 13 países (EUA, Canadá, México, Brasil, Alemanha, Reino Unido, Espanha, França, Itália, Austrália, Índia, China e Japão) com o objetivo de traçar o hábito e o comportamento e leitura em diferentes aspectos. A conclusão é que a leitura aumenta a felicidade e também pode ajudar o leitor a conectar uns com os outros e melhorar seus relacionamentos.

Entre os leitores frequentes (semanais), 71% declararam que se sentem felizes. A taxa entre os leitores esporádicos para essa mesma pergunta é de 55%. Isso porque, segundo a pesquisa, pessoas que leem são mais relaxadas.

Ainda de acordo com a pesquisa, quase metade dos participantes em todo o mundo (45%) tem como meta de desenvolvimento pessoal para este ano ler mais. No entanto, a pesquisa mostrou que a hiperconectividade pode ser um inimigo da leitura. O medo de estar perdendo algo nas redes, as constantes notificações no celular e a necessidade de sempre limpar a caixa de e-mails são apontadas como fatores que dificultam o tempo para a leitura. A pesquisa diz ainda que 34% dos respondentes leem para fugir das distrações digitais. Fora do mundo virtual, 70% dos respondentes declararam ter cancelado ou adiado atividades sociais para dedicar tempo para si com um livro.

Aficionados por livros de todos os lugares concordam que entrar de cabeça em um bom título ajudou a fomentar relacionamentos. Mais de 80% credita à leitura melhoras em seus relacionamentos e 81% ficam ansiosos em discutir pelo menos um aspecto de algum livro com outros. E nesse aspecto, os clubes do livro são ferramentas poderosas. Cerca de 45% dos participantes da pesquisa sentem que a leitura deu algo importante para discutir com os outros. E, pasme, mais de 60% dos participantes preferem discutir obras em um clube do livro, a beber vinho!!

E a leitura, veja só, pode influenciar relacionamentos românticos. A maioria (65%) dos respondentes em todo o mundo concordam que a leitura é um hábito que gera atração e 41% deles disseram que discutir livros foi uma das coisas que os fizeram se apaixonar por seus pares. E a pesquisa vai além: quase um terço (30%) dos leitores casados ou em um relacionamento dizem que questionariam sua relação com base nos tipos de livros ou gêneros escolhidos por seu parceiro. Além disso, quase o mesmo percentual (29%) diz que questionaria seu relacionamento caso o parceiro não fosse um leitor. Quando esses relacionamentos enfrentam problemas, um em cada três leitores recorrem a livros para resolver suas questões amorosas.

Que tipo de livro ler para as crianças?

0
(Foto: Thinkstock)

(Foto: Thinkstock)

Pesquisa da Universidade de Sussex (Reino Unido) constatou que as crianças assimilam menos vocabulário quando os livros infantis têm muitas figuras

Publicado na Crescer

Uma pesquisa da Universidade de Sussex (Reino Unido), com crianças de 3 anos, constatou que, quando os livros infantis têm muitas figuras, os pequenos assimilam menos vocabulário. No experimento, um mediador leu dois tipos de livros (com texto e ilustrações), mas um com imagens só na página da direita e, outro, com imagens em ambas as páginas.

Os resultados mostraram que, no segundo modelo, as crianças ficavam um pouco perdidas e não associavam os objetos desenhados ao texto. Já quando as figuras ocupavam apenas um lado, elas armazenaram o dobro de palavras. Os pesquisadores descobriram, ainda, que se o adulto direciona o olhar dos pequenos para a palavra, apontando o objeto correspondente, esse “excesso” de imagens não interfere na aquisição de vocabulário. Mas, atenção, isso não quer dizer que a leitura precise ser sempre feita dessa maneira.

“Se, por um lado, a mediação entre a criança e o livro é fundamental para desenvolver uma cultura da leitura, por outro, desde cedo a criança é capaz de desenvolver uma leitura própria – o ler para si –, que possibilitará que ela adquira uma atitude voluntária e espontânea, em uma experiência independente, lúdica e gratificante”, explica a psicóloga e psicopedagoga educacional Marisa Irene Siqueira Castanho, conselheira da Associação Brasileira de Psicopedagogia. Aprender novas palavras é importante, mas os desenhos estimulam a imaginação e o gosto pelas artes. Então, busque o equilíbrio, sem estresse.

5 tipos de livros que aumentam sua inteligência

0
Fonte: Shutterstock

Fonte: Shutterstock

 

Veja quais tipos de livro não podem faltar na sua coleção para que você aprenda mais

Publicado no Universia Brasil

A leitura é uma das maneiras mais eficazes de adquirir conhecimentos e melhorar o desenvolvimento pessoal, profissional e acadêmico. Na era da internet, milhões de livros e materiais de leitura estão disponíveis na rede, muitos de forma totalmente gratuita, o que facilita o acesso às obras e aos mais diferentes tipos de textos.

Para garantir um aprendizado mais completo por meio da leitura, a dica é aproveitar o tempo livre para devorar as páginas de livros de diferentes assuntos. Além de conhecer novos temas, você poderá experimentar linguagens e abordagens que nunca antes teve contato.

A seguir, confira 5 tipos de livros para aumentar sua inteligência e que não podem ficar de fora da sua coleção:

1. Livros de Ciência

Quando falamos em livros de ciência, não nos referimos apenas a materiais científicos, escritos com linguagem específica e repleta de termos técnicos, mas àqueles que ofereçam ensinamentos sobre o mundo em que vivemos. Isso inclui livros sobre a evolução da sociedade, que expliquem grandes eventos naturais, como o Big Bang, entre outros assuntos.
A vantagem desse tipo de leitura é que aprendemos como um fato deve ser investigado, para que as evidências sejam comprovadas com relevância. Esse tipo de conhecimento pode ser aplicado no seu dia a dia, seja no trabalho ou na universidade.

2. Livros de Filosofia

No passado, a ciência e a filosofia são ambas fruto do pensamento analítico. Se a ciência nos ensina como entender o mundo e seus acontecimentos, a filosofia ajuda a compreender o que se passa dentro de nós mesmos. Dentro da categoria de livros de filosofia podem estar diversos tipos de obras, que vão de religião a política, sempre analisando as necessidades, desejos e o comportamento humano.

3. Livros de Ficção

As obras de ficção são muito mais do que histórias inventadas. Os grandes livros de ficção ajudam o leitor a experimentar uma realidade completamente diferente da sua e criar experiências que aumentam seu nível de consciência sobre o mundo. Além disso, muitos delas contêm diversas informações reais sobre ciência, história, filosofia e outros temas. O escritor norte-americano Truman Capote, famoso pelas obras A Sangue Frio e Bonequinha de Luxo, costumava dizer que um bom romance pode valer mais que um estudo científico.

4. Livros de História

Os livros de história podem parecer massantes, mas narram os fatos mais interessantes e emblemáticos que já aconteceram com a humanidade. Quando lemos uma obra histórica, além de aprender sobre o passado, também fazemos conexões com o presente e conseguimos entender como a nossa sociedade se tornou o que é hoje. Com eles, percebemos que pensamentos e ideias são imortais.

5. Livros de Poesia

Ler livros de poesia pode ser um grande desafio para aqueles que não estão acostumados, por conta da escrita mais rebuscada e da enorme presença de figuras de linguagem. Mas são justamente essas duas características que toram os textos poéticos tão interessantes e importantes para o nosso aprendizado. Por meio dessas obras conseguimos desenvolver a admiração pelo poder da palavra, além de exercitar nossa mente para desvendar os mistérios e mensagens por trás das rimas e das metáforas.

5 tipos de livros que aumentam seu desempenho escolar

0
Fonte: Shutterstock

Fonte: Shutterstock

Conheça também uma indicação de livro para cada um dos tipos de livros

Publicado no Universia Brasil

Ler é uma das milhares de formas de aumentar o aprendizado, além de potencializar a capacidade de interpretação de textos e de escrita. A leitura traz benefícios e também pode melhorar o desempenho escolar dos alunos. A seguir, conheça 5 tipos de livros que farão com que você melhore seu grau de inteligência, além de indicações de leitura:

1 – Filosofia

Ao se debruçar na leitura de livros de filosofia, você pode entender melhor sobre a existência humana e sobre si mesmo. São essenciais para entender as necessidades humanas e poder espalhar ideias e prever alguns comportamentos sociais. Um bom livro que você pode conhecer chama-se O Mundo de Sofia, de Jostein Gaarder.

2 – Poesia

Esse tipo de texto pode ser um grande diferencial para o aprimoramento do aprendizado dos estudantes. Ao ler poesias, o texto tem um forte poder de mexer com os sentimentos do leitor e fazer com que ele reflita sobre os amis diferentes temas. Assim, essa reflexão torna-se um diferencial muito importante, fazendo com que a pessoa consiga melhorar o senso crítico dos mais variados assuntos. Um grande poeta brasileiro que merecer ser lido, por exemplo, é Carlos Drummond de Andrade. Algumas de suas obras de maior relevância são A Rosa do Povo e Sentimento do Mundo.

3 – Ciência

É importante que pensar que essa categoria de livros não engloba os didáticos. Qualquer produção que tenha como objetivo entender o mundo a sua volta pode ser considerado de ciências. Sempre inspirados nas situações comprovadas e consideradas com verdades, são ótimos para aplicar os conhecimentos sobre determinados temas do interesse de cada um. Para os amantes de ciência, o livro Uma Breve História do Tempo, de Stephen Hawking é uma ótima opção de leitura.

4 – Ficção

Por mais que falem sobre uma história que não aconteceu de fato, os livros de ficção também são muito importantes para aumentar o aprendizado. Por exigirem um estudo histórico e social para escrever um bom texto, eles servem de base para entender diversos pensamentos sociais ou até mesmo para criticar determinadas posturas. Para refletir sobre a sociedade contemporânea, Aldous Huxley criou a obra Admirável Mundo Novo, cuja leitura simples faz com que o leitor se mantenha entretido e ainda pense muito sobre o mundo a sua volta.

5 – História

Tanto os livros didáticos como os paradidáticos que tem a história como assunto central são importantes para o desenvolvimento dos estudantes. Por meio da leitura você pode entender melhor determinados momentos históricos e, consequentemente, adquirir uma postura crítica sobre eles. O autor Laurentino Gomes, em seu livro 1808, fala sobre a chegada da corte portuguesa no Brasil e como isso impactou a vida no Brasil e em Portugal.

Que tipo de livros os pais devem sugerir aos filhos?

0

leitura

Gisella Meneguelli, no Green Me

Ler é uma atividade importante para as crianças, porque desenvolve não apenas a linguagem, mas o lado lúdico e afetivo.

Pela atividade da leitura, as crianças compartilham ideias, aprendem experiências diferentes e fortalecem relações. Por isso, é importante que os pais participem da escolha dos livros que os filhos vão ler, o que também é uma forma de incentivá-los nessa aventura.

Um estudo publicado no site A Taba trata desse tema para pais e educadores e indica sete livros que não deveriam faltar na biblioteca dos pequenos.

1. Livros de pano, banho e cartonados são um ótimo começo (e podem ser puxados, mordidos, amassados). Além de serem lidos, podem ser manuseados.

2. Obras com imagens, pois ampliam o repertório estético e imaginários das crianças.

3. Publicações com cantigas e paralendas levam adultos e crianças a lerem e cantarem juntos, compartilhando um momento de afetividade.

4. Histórias que apresentam elementos de repetição, com frases e palavras que aparecem várias vezes, facilitam a memorização das crianças e ajudam-nas a “ler” sozinhas.

5. Histórias rimadas, pois elas mexem com o tom, a sonoridade e o ritmo vocal.

 6. Contos de acumulação, em que novos elementos são incluídos a cada página.

 7. Livros de poemas, que também trabalham ritmo e sonoridade.

Claro que esse acervo é uma sugestão e deve ser ampliado. O importante é que ele sirva como um guia para pais e educadores a fim de que, depois, a criança possa sozinha escolher suas próprias leituras e tenha o desejo despertado para a leitura.

Go to Top