Para a Robert Morris University, as habilidades desenvolvidas em games online são tão importantes quanto as desenvolvidas em esportes

1

Publicado por Spotniks

A Robert Morris University, uma universidade privada de Chicago, tornou-se a primeira instituição acadêmica dos Estados Unidos a reconhecer League of Legends como um esporte oficial e já oferece bolsas de atleta para jogadores. O primeiro contemplado foi o jovem Youngbin Chung, que recebeu 50% de isenção da mensalidade para estudar redes de computadores.

“Nunca na minha vida havia pensado que ganharia uma bolsa de estudos por jogar videogames”, disse o rapaz, numa entrevista concedida à Associated Press.

Chung conta que, quando mais novo, era fascinado por videogames. Segundo ele, sua rotina diária incluía 10 horas de jogos online, o que começou a prejudicar seu desempenho escolar e levaram seus pais a acreditarem que o garoto nunca ingressaria numa universidade. Mas a história se mostrou outra: o garoto conseguiu uma bolsa de US$ 15 mil por sua habilidade com o game e se tornou um dos 35 alunos bolsistas que estudam na Robert Morris.

Youngbin Chung

Youngbin Chung

Segundo a instituição, as habilidades desenvolvidas nos games online, como trabalho em equipe, estratégias e reações rápidas, nada diferem das habilidades adquiridas por jogadores de futebol ou basquete e, por isso, está investindo dinheiro em bolsas para alunos com tais habilidades.

Para isso, a direção da universidade investiu cerca de US$ 100 mil na criação do Robert Morris Eagles, um time de League of Legends oficialmente ligado ao departamento atlético da instituição e que conta com uma sala própria, equipada com computadores e monitores robustos. A liga tem o objetivo de disputar o Campeonato Universitário de League of Legends da América do Norte, contra escolas renomadas como Harvard e MIT. Os primeiros colocados no ranking do campeonato poderão conseguir algo próximo de US$ 30 mil em bolsas de estudo.

De acordo com a Riot Games, desenvolvedora do League of Legends, pelo menos 27 milhões de pessoas jogam o game todos os dias. O rápido crescimento do RPG levou à criação de diversos campeonatos profissionais, além dos já citados campeonatos universitários. O próximo campeonato profissional do game ocorre no próximo dia 19, em Seul (Coreia do Norte) e tem como prêmio final US$ 1 milhão para o melhor time.