Posts tagged livro

Suzane Richthofen aciona STF após se irritar com livro sobre assassinato

0

Publicado em A Gazeta

Suzane von Richthofen conseguiu ler o livro “Suzane – Assassina e Manipuladora”, de Ulisses Campbell, no último fim de semana, mas a bonita ficou irritada com tudo o que está na obra, segundo informações do colunista Amaury Jr.

Ao colunista, o autor confidenciou que um dos principais trechos que revoltou Suzane foi o capítulo 10, em que estão divulgados alguns laudos do caso. O capítulo diz: “Nesses processos, os especialistas a descrevem com adjetivos típicos de vilã de novela: manipuladora, dissimulada, egocêntrica, infantilizada, simplista, insidiosa, narcisista, além de ter agressividade camuflada. Ainda segundo esses pareceres, a criminosa utiliza procedimentos primitivos e pouco elaborados na vida, tem fantasia de onipotência e é desvalorizadora do ser humano”.

Suzane achou o livro que fala do planejamento que ela mesma fez para matar seus pais, Manfred e Marísia von Richthofen, ofensivo, de acordo com Amaury Jr, e recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que a publicação fosse recolhida das livrarias.

“A publicação do livro afronta a própria Administração da Justiça e o Poder Judiciário, pois a publicação se utiliza de dados obtidos de processo de execução penal em tramitação sob segredo de justiça e trechos de laudos médicos psiquiátricos e psicológicos acobertados pelo sigilo profissional”, alegou Suzane por meio da Defensoria Pública de São Paulo.

Segundo o colunista, o STF não aceitou os pedidos da herdeira e o lançamento e comercialização do livro estão mantidos.

5 dicas para melhorar sua leitura

0

Publicado no R7

É fato que diversas vezes desistimos de fazer a leitura de um livro ou um texto, por não conseguirmos entender e extrair as ideias principais. Isso também ocorre em diversas situações nos vestibulares, já que também acabamos errando diversos exercícios por não conseguirmos interpretá-los. Pensando nisso, o QG elaborou uma matéria especial com 5 dicas de leitura para você que quer “devorar” os livros! Confira:

Antes de tudo, é importante ressaltar que a leitura é um exercício contínuo, que deve sempre ser exercitado, não importa se o texto escolhido é um livro de literatura, ou uma bula de remédio.

1. DISTRAÇÕES

Muitas vezes quando sentamos para ler algo, acabamos nos distraindo, seja porque não sentamos de uma maneira confortável, seja porque estamos em um ambiente mais barulhento. Nesse sentido, para que você se concentre e entenda verdadeiramente o que cada palavrinha quer dizer, é necessário fugir para um lugar mais tranquilo como um quarto, uma biblioteca ou um parque. Além disso, o celular muitas vezes pode se tornar um inimigo, já que passamos muitas horas do dia vidrados na telinha, e a cada notificação interrompemos a leitura. Por isso, é sempre bom deixar o celular ou afastado, ou no modo silencioso!

2. ANDE COM SEUS LIVROS

Apesar do dia a dia de muitos de nós serem bem pesados, volta e meia surge um tempinho em que não fazemos nada, como quando estamos no transporte público, em uma aula vaga ou no intervalo do trabalho. Por isso, sempre ande com um livro ou um texto na mochila, vai que surge uma vontade de passar a hora lendo?

3. OBJETIVOS

Ao lermos um romance e ao lermos um artigo científico, não usamos o mesmo tipo de compreensão. Isso porque cada tipo textual tem suas especificidades e maneiras de se entender. Um romance, por exemplo, tende a ser mais subjetivo, enquanto um artigo tende a ser mais objetivo. Tendo isso em mente, é necessário traçar metas e objetivos com a leitura de cada tipo textual. O que estou em busca? Tenho tempo? Preciso memorizar? Que resultado espero com essa leitura?

4. ILUMINE

É fato que não conseguimos lembrar de 100% dos textos que lemos, mas é super importante que saibamos quais são as ideias principais, pois isto é um indicador de que ler está sendo uma atividade eficaz. Por isso, circular, sublinhar e iluminar auxiliam muito na fixação dos assuntos principais.

5. ANOTE

Quando estamos lendo, há muitos trechos que analisamos melhor, e que nos ajudam a compreender o resto do texto. Por isso, esteja sempre anotando, seja no próprio livro/apostila, seja em uma folha separada, pois suas observações e impressões sobre aquele assunto, te auxiliam a guiar sua leitura!

Por fim, exercitar nossa leitura é uma atividade que promove uma melhoria não só na escrita, como na comunicação oral. Além de nos agregar diversos assuntos e histórias interessantes, também expande nosso vocabulário e nossa visão de mundo. Tente usar aquele tempinho livro para ler aquele livro, aquele texto da faculdade, aquela matéria do jornal, ou a bula do remédio que você acabou de comprar!

Mãe ensina maneira genial de incentivar os filhos a ler ao invés de ficar só na internet

0

Uma brincadeira simples que envolve um desafio poderá trazer grandes benefícios para a educação dos seus filhos.

Publicado no A Grande Arte de Ser Feliz

Querido pai, querida mãe,

Com que frequência você censurou seus filhos por terem passado muito tempo na internet ou nos games? Algo como:

“Em vez de se sentar com os olhos colados ao seu celular, por que você não lê um livro legal! Os livros são os objetos estranhos que você pode encontrar na biblioteca”.

E então as queixas e discussões começam.

Os smartphones envolvem completamente os jovens… são onde as crianças entram nas mídias sociais e conversam com os amigos. A conexão wi-fi é sua chave mágica para a felicidade.

Se você está procurando uma maneira inteligente de aproximar seus filhos da leitura e tirá-los do WhatsApp, veja o exemplo desta mãe engenhosa que encontrou uma maneira original de educar seus filhos sobre como usar a internet com sabedoria. Sua ideia, que tornou viral na web, também foi relatada na edição italiana do Huffington Post:

“A senha do wi-fi desta semana é a cor do vestido de Anna Karenina no livro. Eu disse o livro, não o filme!! Boa sorte! Mamãe”, ela escreveu em um pedaço de papel.

A única maneira que seus filhos (em idade escolar) poderiam encontrar a senha para a conexão à internet era lendo o livro de Tolstoi.

Não é ruim quando um truque faz as crianças se apaixonarem pela leitura e isso faz obter o seu wi-fi muito desejado se a resposta for correta!

O destino final é a experiência de navegar pela literatura, mas uma pequena caça ao tesouro em uma obra literária é uma ótima maneira de eles começarem.

E quem não gosta de caça ao tesouro?

A propósito, você já leu Anna Karenina?

The Stand | Série baseada em livro de Stephen King começa sua produção

0

Adaptação de A Dança da Morte

Cesar Gaglioni, no Jovem Nerd

A revista Production Weekly anunciou o começo da produção de The Stand, série da CBS baseada no livro A Dança da Morte, de Stephen King.

O título de produção da série é “Radio Nowhere”. O nome vem de uma música de Bruce Springsteen, um dos artistas mais admirados por King, e referenciado algumas vezes na obra. É uma escolha acertada já que a faixa, bem como o livro, descreve um cenário apocalíptico.

A Dança da Morte é o livro mais longo da carreira de Stephen King, com aproximadamente 500 mil palavras em sua versão original, o que, na maioria das edições, equivale a cerca de 1.200 páginas.

A trama é ambientada em uma Terra que foi dizimada após um vírus mortal contaminar a humanidade e matar 99,4% da população. Os 0,6% que sobreviveram se dividiram em duas facções: uma liderada pelo sombrio Randall Flagg e seus poderes malignos, e uma outra comandada por Abagail Freeman, uma mulher que está recebendo visões de Deus. A partir disso, os dois grupos se enfrentarão em uma grande batalha do bem contra o mal.

A série não tem previsão de estreia

‘IT: A Coisa’: Após o Capítulo 2, franquia pode ganhar novos filmes

0

Renato Marafon, no CinePop

‘It: A Coisa’ faturou US$ 700,4 milhões e se tornou a maior bilheteria da história para um filme de terror, um marco invejável conquistado pela Warner Bros.

Com o Capítulo 2 se aproximando e encerrando a história do livro de Stephen King, é claro que os envolvidos já estão procurando maneiras de continuar a franquia milionária com novos filmes.

Segundo o roteirista Gary Dauberman, uma das ideias é criar filmes derivados que serão focados em passagens do livro não usadas no cinema.

Sim, acho que há espaço para construir um universo cinematográfico usando a mitologia do livro, porque A Coisa existe desde o início dos tempos, mas não sei se há planos para isso. Fiquei muito feliz em abordar o livro em diferentes produções, mas sempre sendo respeitosos com o material do livro…“, afirmou ao Bloody Disgusting.

Andy Muschietti (‘Mama’) retorna à direção, que terá novamente Gary Dauberman (‘A Freira’) como roteirista.

Como a cada 27 anos o mal revisita a cidade de Derry, Maine, a sequência volta a acompanhar os mesmos personagens – que há muito tempo seguiram seus próprios caminhos – de volta como adultos, quase três décadas depois dos eventos do primeiro filme.

O elenco conta com o retorno de Bill Skarsgård, no papel de Pennywise, e das crianças Jaeden Lieberher, Wyatt Oleff, Sophia Lillis, Finn Wolfhard, Jeremy Ray Taylor, Chosen Jacobs e Jack Dylan Grazer.

Jessica Chastain, James McAvoy, Bill Hader, Jay Ryan, James Ransone, Andy Bean e Isaiah Mustafa interpretarão as versões adultas dos personagens.

A sequência será lançada nos cinemas nacionais no dia 5 de setembro.

Go to Top