notícias

A adaptação cinematográfica de Dumplin’ chega esta semana na Netflix

0


Victor Tadeu, no Desencaixados

Nesta sexta-feira a adaptação cinematográfica de Dumplin’ chega ao catálogo da Netflix. O filme já foi lançado em território internacional e agora chegou o momento ser estreado para os brasileiros assinantes da Netflix.

O título conta a história de uma adolescente plus size chamada Willowdean, ela é apaixonada por Dolly Parton, e para irritar sua mãe decide entrar em um concurso de beleza do Texas. Inicialmente o seu intuito era protestar contra a ditadura do corpo magro, porém a sua coragem acaba sendo um gancho para um grupo de meninas desajustadas entrarem no mesmo ramo.

Dumplin’ pode ser mais um filme de sucesso da Netflix, já que Anne Fletcher (A Proposta e Vestida Para Casar) está responsável pela direção, por outro lado, Jennifer Aniston e Danielle MacDonald fazem parte do elenco.

A obra foi escrita por Julie Murphy, no Brasil o livro foi publicado pela Editora Valentina e carrega um grande número de fãs e todos eles demonstram ansiedade para conferir a adaptação da história. A avaliação de público do livro e do filme são similares, carregando ótimas críticas.

Dumplin’ foi lançado nos Estados Unidos dia 07 de dezembro.

Filme sobre ‘cura gay’ com Nicole Kidman é cancelado no Brasil

0

Nicole Kidman e Lucas Hedges em ‘Boy Erased’ (foto: Universal Pictures/Divulgação)

 

‘Boy Erased’ será lançado somente em home video. Autor do livro que deu origem ao longa chamou de ‘censura’ a decisão

Publicado no UAI [via Estadão]

O drama Boy Erased: Uma verdade anulada tinha estreia anunciada no Brasil para o dia 31 de janeiro pela Universal Pictures. A empresa, porém, cancelou o lançamento e deve divulgar o filme no país apenas para home video. A decisão pegou mal e o próprio Garrard Conley, ativista cujo livro inspirou o filme, falou em “censura”. A empresa alega que a decisão foi tomada “única e exclusivamente por uma questão comercial baseada no custo de campanha de lançamento versus estimativa de bilheteria”.

Baseado no livro de memórias do ativista americano e dirigido por Joel Edgerton, o longa foi indicado para o Globo de Ouro nas categorias melhor ator de drama, pela atuação de Lucas Hedges, e melhor música para filmes (e acabou não levando nenhum dos dois, e também não levou nenhuma das esperadas indicações ao Oscar). Russel Crowe e Nicole Kidman completam o elenco.

A trama conta a história do jovem gay Jared Eamons (Hedges), filho de Marshall Eamons (Crowe), pastor de uma cidade conservadora do Arkansas, e da religiosa Nancy Eamons (Kidman). Segundo sinopse divulgada pela própria Universal, em dezembro de 2018, “quando confrontado pela família sobre sua sexualidade, (o personagem) se vê pressionado a escolher entre perder seus familiares e amigos ou se submeter a um programa de terapia que busca a ‘cura’ da homossexualidade”.

Garrard Conley – cujo livro Boy Erased foi lançado agora no Brasil pela editora Intrínseca – se mostrou descontente nas redes sociais com o ocorrido. “Boy Erased censurado no Brasil. Sentia que isso poderia acontecer e é muito triste que esse tipo de coisa esteja acontecendo num país tão maravilhoso”, escreveu.

Barbeiro dá desconto para crianças que lerem livro em voz alta

0

Foto: Keith Jason

A sala de espera também fica cheia de pequenos leitores. A ideia é estimular o hábito da leitura

Lidiane Barros, em O Livre

Nada de celular, nesta barbearia do Estado americano de Michigan, os pequenos clientes são estimulados a lerem livros. Para incentivar o hábito da leitura, o barbeiro Ryan Griffin dá desconto de US$ 2 (cerca de R$ 8,00) para as crianças que lerem um livro em voz alta enquanto cortam o cabelo.

A sala de espera da barbearia também fica repleta de pequenos leitores que aguardam por sua vez. Eles recebem lições de leitura, autoestima e leem também publicações sobre a história afro-americana. E não é só ler. As crianças também têm são estimuladas a discutir sobre o conteúdo que leram e ainda, responder a algumas perguntas.

Griffin conta que se inspirou por outras experiências que viu no Harlem, em Nova York, em Tampa, Flórida e Iowa e espera que outras barbearias se inspirem por esse modelo.

À ABC News, Griffin disse que uma barbearia também é um pilar da comunidade. “O objetivo é que as crianças da cidade tenham um livro à mão, que elas achem legal ler”.

A ideia bem que podia inspirar barbearias por aqui, não é mesmo?

Pesquisador encontra nova história de Rei Artur, Merlin e o Santo Graal

0

Pesquisador encontrou nova história do Rei Artur (Foto: Divulgação)

Livro do século 16 apresentava a narrativa de uma batalha mágica envolvendo o mítico guerreiro britânico

Publicado na Galileu

Imagine se, daqui a uns séculos, um pesquisador encontrar uma história inédita da saga de Harry Potter? Foi mais ou menos isso que aconteceu enquanto o pesquisador Michael Richardson realizava uma consulta na bibliografia de Estudos Medievais na Universidade de Bristol, no Reino Unido. Ao investigar um livro do século 16, ele encontrou uma narrativa de uma batalha nunca antes contada do lendário Rei Artur e do mágico Merlin.

Os fragmentos das histórias estavam em pergaminhos e foram escritos a mão e contêm novas informações sobre a narrativa de Artur. De acordo com a tradição, a primeira obra que apresenta as aventuras do fictício rei britânico foi publicada em 1130.

“Esses fragmentos são um achado maravilhosamente incrível, que pode ter implicações para o estudo não apenas deste texto, mas também de outros textos relacionados e posteriores que moldaram nossa compreensão moderna da lenda arturiana”, disse em comunicado Leah Tether, que é presidente da Sociedade Internacional Arturiana. “O tempo e a pesquisa revelarão quais outros segredos sobre as lendas de Arthur, Merlin e o Santo Graal podem conter esses fragmentos.”

Nos textos encontrados, o rei Artur e o Mago Merlin se preparam para uma batalha contra o fictício Rei Claudas, que era o líder dos francos. De acordo com a narrativa, Merlin incentivou as tropas contra o inimigo e utilizou o estandarte de dragão de um guerreiro conhecido como Sir Kay: o desenho que representava a criatura cuspia fogo de verdade. Com dificuldade, Artur vence a batalha.

Os especialistas nas histórias de Artur estão agora reunindo outros fragmentos que estariam dispersos para localizar novas aventuras do rei britânico, de seu parceiro Lancelot e a busca pelo Santo Graal. O poeta francês Chrétien de Troyes, que viveu no século 12, é conhecido por ter adicionado a história de Camelot, o castelo lendário em que viveria Artur: de acordo com a narrativa, os guerreiros precisavam encontrar o objeto utilizado por Jesus na Última Ceia para restaurar a prosperidade do reino.

Tolkien | Fox divulga primeiras imagens da cine biografia do escritor!

0

Uillian Magela, na Estação Nerd

A Fox e o ator Nicholas Hoult divulgaram esta semana as primeiras imagens oficiais do filme “Tolkien”. Confira:

Dirigido pelo cineasta finlandês Dome Karukoski e estrelado por Nicholas Hoult (“A Favorita”) e Lilly Colllins (“Espelho, Espelho Meu”), o longa narra os anos de formação de J. R. R. Tolkien, através do amor e da guerra, que inspiraram os contos da Terra-Média que entretêm e fascinam gerações. “Tolkien” mostra também o romance entre o autor e Edith Bratt (Lily Collins), que ele conheceu aos 16 anos, e o enfoca como um estudante obsessivo e estranho que buscava se integrar.

O aclamado escritor J. R. R. Tolkien é autor dos livros da saga “O Senhor dos Anéis”, “O Hobbit” e “A Árvore e Folha”. Os livros da série “O Senhor dos Anéis” estão entre os mais vendidos em todo mundo, com mais de 150 milhões de cópias comercializadas.

“Tolkien” explora os anos de formação do autor órfão ao encontrar amizade, amor e inspiração artística entre um grupo de colegas excluídos da escola. Isso o leva para a eclosão da Primeira Guerra Mundial, que ameaça acabar com a “irmandade”. Todas essas experiências inspirariam Tolkien a escrever seus famosos romances da Terra-Média.

Go to Top