Canal Pavablog no Youtube

A incrível árvore que dá livros ao invés de frutos

0

Publicado no Hypeness

Quando a árvore em frente à casa da artista Sharalee Armitage Howard precisou ser cortada, ela soube exatamente o que fazer: transformá-la em uma biblioteca. O espaço se tornou parte do movimento Little Free Library, uma iniciativa que já espalhou mais de 75 mil bibliotecas livres pelo mundo.

“Este projeto ainda não está pronto, mas não posso esperar para compartilhá-lo. Tivemos que remover uma grande árvore que tinha mais de 110 anos, então eu decidi transformá-la em uma Little Free Library, como sempre quis“, escreveu ela em uma publicação no Facebook.

Embora a copa da árvore tenha sido removida, seu tronco foi usado como estrutura para a biblioteca e ela ganhou até mesmo uma portinha, por onde os interessados podem entrar para escolher quais livros levar para casa. A ideia é que, além de pegar obras emprestadas, as pessoas também deixem novos títulos no local.

A árvore não é a única biblioteca construída de forma criativa. Em Nova York, uma empresa de design criou um espaço para o empréstimo de livros em que os interessados podem realmente entrar no mundo da literatura enquanto escolhem o que ler. No Brasil, o projeto conta com diversas bibliotecas compartilhadas no Rio Grande do Norte, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e no Rio Grande do Sul.

Veja mais detalhes da árvore que deixou de dar sombra para dar livros:

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Veja principais livros sci-fi estrangeiros que chegam ao Brasil em 2019

0

Everton Lopes Batista, na Folha de S.Paulo

Início do ano também é período de preparar o bolso para o que vem pela frente. Neste post, o blog quer ajudar aos fãs de literatura de ficção científica a se programarem para as compras essenciais de 2019.

O Sci-Fi entrou em contato com editoras que publicam o gênero por aqui para adiantar algumas obras estrangeiras que devem ser lançadas neste ano.

Quem acompanha a área já sabe que a produção ainda é muito maior em língua inglesa. Dentro de alguns anos, porém, esperamos que o volume de livros brasileiros cresça e ocupe um espaço relevante neste mercado.

Confira abaixo a lista com alguns dos principais livros estrangeiros que serão lançados no país nos próximos meses e aproveite o início do ano para deixar as leituras em dia.

Capa da edição americana do livro “A Parábola dos Talentos”, de Octavia E. Butler (foto: divulgação)


A Parábola dos Talentos (Parable of the Talents)

Autora: Octavia E. Butler

Editora: Morro Branco

Quando: 1º semestre

Continuação de “A Parábola do Semeador”, mostra o que acontece no mundo distópico após a protagonista da história, Lauren Olamina, criar sua religião. Os acontecimentos são narrados por sua filha, Larkin.

Mundo em Caos (Chaos Walking)

Autor: Patrick Ness

Editora: Intrínseca

Quando: 8 de março

A distopia mostra um mundo no qual todos os homens conseguem ouvir os pensamentos uns dos outros e o conceito de privacidade não existe mais. A obra deve ser transformada em filme ainda neste ano.

The Geeks’s Guide to SF Cinema (o guia geek para cinema sci-fi)

Autor: Ryan Lambie

Editora: Grupo Pensamento

Quando: 1º semestre

De Georges Méliès a James Cameron, o livro conta a história do cinema de ficção científica e analisa sua importância na sociedade e no desenvolvimento de tecnologias para produção de filmes nos últimos 110 anos. A obra foi lançada originalmente em inglês em 2018.

O Fim da Morte (Death’s End)

Autor: Cixin Liu

Editora: Suma (Grupo Companhia das Letras)

Quando: abril

Último volume da trilogia iniciada com “O Problema dos Três Corpos”, primeira ficção científica chinesa a fazer estrondoso sucesso internacional. A obra trata do contato entre humanos e extraterrestes.

Capa da edição americana de “Artemis”, livro de Andy Weir (foto: divulgação)

Artemis

Autor: Andy Weir

Editora: Arqueiro

Quando: abril

O novo livro do autor de “Perdido em Marte” (“The Martian”), que virou filme em 2015, leva a aventura para a lua, e se passa em Artemis, primeira cidade construída no nosso satélite natural.

Capa da edição americana de “Stranger Things: Suspicious Minds”, de Gwenda Bond (foto: divulgação)

Stranger Things: Suspicious Minds (stranger things: mentes suspeitas)

Autora: Gwenda Bond

Editora: Instrínseca

Quando: 10 de maio

Primeiro romance inspirado na série de sucesso da Netflix, traz um prelúdio para os eventos que acontecem na primeira temporada do programa, acompanhando a mãe de Eleven durante testes feitos pelo governo americano.

The Lathe of Heaven (o giro dos céus)

Autora: Ursula K. Le Guin

Editora: Morro Branco

Quando: 1º Semestre

O livro conta a história de George Orr, um homem que tem a capacidade de mudar a realidade através de seus sonhos. A obra recebeu o prêmio Locus de melhor romance em 1972.

Nightflyers (voadores da noite)

Autor: George R.R. Martin

Editora: Suma (Grupo Companhia das Letras)

Quando: maio

Ficção científica do autor de “Guerra dos Tronos”, conta a jornada de fuga de seres humanos da terra em uma nave espacial após a destruição do planeta. A novela já havia sido publicada por aqui na coletânea “George R.R. Martin: RRetrospectiva da Obra”, da editora Leya. Agora, ganha uma edição avulsa. A série inspirada no texto deve chegar à Netflix ainda neste ano.

O Céu de Pedra (The Stone Sky)

Autora: N. K. Jemisin

Editora: Morro Branco

Quando: 2º Semestre

Terceiro e último volume da série “A Terra Partida“, saga de ficção científica geológica com humanos que tem o poder de controlar os movimentos de solos e montanhas. A autora foi a primeira na história do prêmio Hugo, um dos mais importantes da literatura sci-fi, a ser laureada por três anos consecutivos –cada prêmio para um volume desta série.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Livro ‘Você Decide’ dos EUA processa Netflix por Black Mirror: Bandersnatch

0

Felipe Sayão, no TecMundo

A editora Chooseco, do livro infantil “Choose Your Own Adventure” (algo como “Escolha sua Própria Aventura”), está processando a Netflix pelo modelo de entrenimento escolhido no filme Black Mirror: Bandersnatch, afirma o Pitchfork.

O processo foi entregue hoje (11) ao juiz. Além disso, a Chooseco afirmou que já havia pedido para a Netflix não lançar o filme, a não ser adquirisse uma licença para usar a marca “Choose your own adventure”.

“A Netflix não tem licença ou autorização para usar a marca registrada da Chooseco e, já sabendo disto, usou a marca intencionalmente para capitalizar a nostalgia dos espectadores pela série de livros original dos anos 80 e 90. O filme é sombrio e, às vezes, tem um conteúdo perturbador que dilui a boa vontade e associações positivas com a marca da Chooseco e mancha seus produtos”, afirma a empresa no processo.

A Chooseco está pedindo US$ 25 milhões da Netflix alegando “violação de marca comercial, falsa designação de origem, concorrência desleal e diluição de marca comercial”.

A Netflix não comentou o caso.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Clubes de assinatura de livros para você ler mais e gastar menos

0

Clubes literários são perfeitos para explorar ainda mais o mundo dos livros.

Publicado no Oba Oba

Nos últimos anos, clubes literários por assinatura têm se tornado cada vez mais populares entre os jovens e, além de oferecerem entregas mensais de livros-surpresa, eles também funcionam como espaço para trocar experiências e discutir suas últimas leituras.

Em alguns casos, a assinatura também ajuda a economizar, já que os livros saem mais barato do que nas prateleiras e ainda são complementados com guias de leitura e mimos colecionáveis.

Gostou da ideia? Então, conheça alguns clubes de assinatura de livros e escolha o seu:

TAG – Experiências Literárias

Foto: Reprodução/Instagram @taglivros | Reprodução/Instagram @taglivros

A proposta do TAG Livros é entregar ao leitor uma seleção com livros que ele provavelmente não conhece, indicados por escritores profissionais (a própria Chimamanda Adichie, autora nigeriana, já participou da curadoria). No box, o cliente recebe um livro surpresa, capa protetora, revista, marcador e brinde. O plano de assinatura varia de R$39,90 a R$55,90 + taxa de entrega.

Turista Literário

Foto: Reprodução/Site Turista Literário

clube Turista Literário propõe uma “viagem sensorial” pela literatura. Para isso, cada caixa tem a aparência de uma mala de viagem e vem com um “passaporte” para o cliente marcar suas leituras, um produto sonoro, um aromático e um tátil relacionados ao livro, além de outros brindes. O foco do grupo é literatura YA (young adult). O leitor recebe em casa a obra, uma playlist especial no Spotify, algum objeto que tenha a ver com a história, item aromático e muito mais. O preço varia de R$86, a assinatura por no mínimo dois meses, a R$95, o mês avulso.

BBox Clube

Foto: Divulgação/BBOX

Este é um clube literário focado em empreendedorismo. Por isso, todos os meses o leitor recebe um livro para inspirar ou ensinar técnicas que o ajudarão a alavancar seu negócio. Além disso, o clube de assinatura BBOX também reverte parte da renda para investimentos em novos projetos, por meio de plataformas de crowdfunding. O kit contém livro, marcador, brinde e descritivo editorial pelo preço de R$69,90 (anual) a R$79,90 (mensal).

Pacote de Textos

Foto: Reprodução/Instagram @pacotedetextos | Reprodução/Instagram @pacotedetextos

Mais simples (e barato) que seus concorrentes, o clube Pacote de Textos economiza nos brindes, mas capricha na seleção, que inclui clássicos e livros de autores premiados. O leitor recebe em casa um livro, marcador, carta e brinde. O valor é de R$34,40, o plano anual, a R$42,90, por um mês.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Uma das histórias mais perturbadoras de Stephen King ganha filme pela Netflix

0

Victor Tadeu, no Desencaixados

Com acordo firmado desde agosto do ano passado, um dos atores mais renomados do mundo em quesito terror e horror estará lançando mais uma adaptação de sua história pela Netflix. In the Tall Grass é o próximo título do escritor junto com Joe Hill, seu filho, a ser lançada pela plataforma de streaming.

Contando com Patrick Wilson (“Conjuring”), Laysla De Oliveira e Harrison Gilbertson no elenco, o filme conta a história de um irmão e uma irmã na fase da adolescência realizando uma viagem de carro. Porém, entram em uma alta mata para ir até um auxílio de meninos coisas estranhas começam a acontecer, o tempo e o espaço misteriosamente tornam-se diferentes por uma força desconhecida.

Esta história de Stephen King conta com a colaboração do seu filho Joe Hill, a data de estreia está agendada para ser este ano.

A produção já afirmou que este pretende ser um dos longas mais perturbadores do escritor, inclusive Vincenzo Natali, o diretor da adaptação, revelou para um site estrangeiro que o filme torna-se aterrorizante pelo fato de a grama ser um labirinto e, ao mesmo tempo, guardar tantos segredos inimagináveis.

Além disso, ele também afirmou que esta é uma das histórias mais agoniante de King, pois nunca imaginou que grama poderia dar tanto medo como sentiu durante a leitura da história, mesmo ele tendo muito conhecimento e experiência na área.

Com um elenco de sucesso e mais uma parceria produtiva com a Netflix, In the Tall Grass pretende ser mais uma adaptação cinematográfica de sucesso do escritor em parceria com a plataforma de streaming.

Stephen King teve outras histórias adaptadas pela empresa, sendo elas Jogo Perigoso e 1922.

Comments

comentários

Powered by Facebook Comments

Go to Top